O Guia Completo Dos Itens De Linha Do Google Ad Manager Para Editores

O Guia Completo Dos Itens De Linha Do Google Ad Manager Para Editores

Os tipos e prioridades de itens de linha são onde tudo começa em termos de como um determinado item de linha compete no leilão e sua função na pilha de anúncios.

Muitos fatores podem impactar a seleção de anúncios no Google Ad Manager (GAM), como limite de frequência, roadblock, exclusões, períodos do dia. O outro desafio para a maioria dos editores é que essas terminologias no GAM são confusas para os iniciantes.

Quer dizer, com que frequência usamos o termo ‘Sponsorship’ ou ‘Standard’, certo?

Este artigo analisará cada canto e recanto dos tipos de item de linha do GAM – o que são, quando usá-los e uma seção de dicas bônus, vindas dos profissionais de otimização de anúncios, para cada um deles.

Sponsorship (Garantido)

Line item sponsorship

Este item de linha é veiculado com base na porcentagem de impressões e tem a prioridade mais alta por padrão. Quando houver vários itens de linha de Sponsorship/Patrocínio com segmentação sobreposta, o Google Ad Manager alocará a impressão com base na porcentagem total.

impression based on the percentage

Exemplo 1 (3 itens de linha com segmentação sobreposta):

Sponsorship 1 @ 100%

Sponsorship 2 @ 50%

Sponsorship 3 @ 75%

==================

Total = 225%

O GAM alocará as impressões da seguinte forma:

Sponsorship 1 @ 100/225 = 44,44%

Sponsorship 2 @ 50/225 = 22,22%

Sponsorship 3 @ 75/225 = 33,33%

==================

Total = 100%

Exemplo 2 (2 itens de linha com segmentação sobreposta):

Sponsorship 1 @ 100%

Sponsorship 2 @ 100%

==================

Total = 200%

O GAM vai dividir o tráfego 50/50:

Sponsorship 1 @ 100/200 = 50%

Sponsorship 2 @ 100/200 = 50%

==================

Total = 100%

Quando Usar?

  1. Teste A/B – por exemplo, você gostaria de saber qual rede de anúncios tem melhor desempenho em um determinado local do seu site. Você pode criar itens de linha de Sponsorship com os mesmos critérios de segmentação e a mesma porcentagem de impressões, para que o GAM possa distribuí-los ou alterná-los uniformemente.
  2. Ofertas exclusivas – quando você fechou uma oferta com um comprador e ele deseja monetizar exclusivamente um ponto em seu site ou concordou com uma porcentagem específica de tráfego.
  3. Garantido de forma programática com meta percentual – um tipo de negócio do Google Ad Exchange respaldado por um acordo contratual com o comprador e garantido. Você pode aprender mais sobre isso na PubGuru University.
  4. Apresentar ou vender um produto – quando você tem um produto e gostaria de exibi-lo para uma determinada porcentagem de seu tráfego.

Dica Do Profissional De Otimização De Anúncios!

Use o item de linha de Sponsorship apenas quando necessário e se o preço estiver certo. Ao receber uma oferta, gere um relatório histórico no Google Ad Manager e preste atenção no CPM médio que você está obtendo. Compare-o com a oferta na mesa. Qual é o mais alto?

Negocie um acordo melhor, caso não esteja convencido. O resultado final é: por que trocar um ponto que está rendendo cerca de $5 CPM por uma oferta que pagará apenas $3,50 CPM?

Standard (Garantido)

impression based on the percentage

Este item de linha é veiculado com base em uma meta de quantidade, previamente especificada e tem a segunda prioridade mais alta, ao lado de Sponsorship, por padrão. Se houver um item de linha Standard/Padrão, a “Alocação dinâmica aprimorada” será ativada.

Isso significa que o Google Ad Manager atribuirá temporariamente um valor de CPM dependendo do “índice de satisfação” do item de linha Standard. O GAM verificará o quão próximo ou distante está de sua meta de entrega – considerando o horário de início e término + a quantidade de impressões necessárias para atingir a meta.

Se tiver dificuldade para cumprir a meta, o Google Ad Manager o atribuirá com um CPM temporariamente alto para colocá-lo à frente dos outros e veicular o anúncio. Se o índice de satisfação estiver bom, então acontece o oposto – o GAM o atribui com um CPM temporariamente baixo, já que ele não precisa veicular um anúncio ainda.

delivery settings

Todos eles são calculados automaticamente pelo GAM e não podem ser definidos manualmente.

Quando usar?

  1. Ofertas exclusivas baseadas em quantidade. Se você fechou um acordo exclusivo com um comprador em um volume de impressão garantido por um período específico.
  2. Testando uma nova rede de anúncios com um limite de impressão. Para ver todo o potencial de uma rede de anúncios, um item de linha Standard é útil, pois dá à rede prioridade, sem ter que se preocupar em sacrificar muitas impressões. Ele define um limite e para de veicular assim que essa quantidade é atingida. Em seguida, você avalia o desempenho real.
  3. Garantido de forma programática com meta de quantidade. Nesse tipo de transação de Private Marketplace, o contrato estipula uma quantidade garantida em vez de uma porcentagem do tráfego.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Use apenas quando apropriado e se o preço for justo. Quando usado para teste, determine o número de impressões que você está disposto a arriscar e defina isso como sua meta.

Lembre-se, a taxa de CPM ou o valor de CPM que você especifica no item de linha afetará apenas os relatórios, mas não a priorização. Isso significa que há uma chance de o GAM veicular o item Standard antes de itens de linha de maior pagamento, especialmente quando ele está lutando para cumprir sua meta de entrega.

AdSense (Alocação Dinâmica)

Existem duas maneiras de ativar o preenchimento do AdSense ou a alocação dinâmica:

1) Configurações de bloco de anúncios ou

2) Tipo de item de linha: AdSense.

Vamos entender a diferença:

#1 – Configurações do bloco de anúncios

A ativação é rápida e fácil. Você só precisa marcar ‘Maximize a receita de estoque não vendido com o AdSense’ nas configurações do bloco de anúncios

AdSense maximize revenue

– Permite que o AdSense seja executado em alocação dinâmica no nível do bloco de anúncios.

– Sem controle de segmentação ou limites de impressão, divisão de dias e horários

#2 – Tipo de item de linha: AdSense

– Leva um pouco de tempo e mais etapas para configurar. O AdSense deve ser vinculado primeiro ao GAM, em seguida, crie um item de linha e selecione ‘AdSense’ como o tipo de item de linha.

line item adsense

– Pode controlar a veiculação de anúncios com configurações de itens de linha, como rotação de criativos, divisão de dias e horários, limites de frequência, segmentar seção específica do inventário.

– Usar o AdSense para execução em alocação dinâmica significa que o AdSense competirá em tempo real contra seus outros parceiros de demanda em execução no GAM e só servirá se puder pagar o lance mais alto.

Quando usar?

Se você não tem o Google Ad Exchange e gostaria de ter a alocação dinâmica em execução, vá para o AdSense. Você também pode usar a estratégia de item de linha se quiser testá-la diretamente com o Ad Exchange e comparar o desempenho.

Os editores da MonetizeMore podem tirar proveito de nossa tecnologia própria chamada AdSense Re-render. Ele usa o AdSense como um substituto em seu estoque de anúncios para minimizar as impressões de anúncios não entregues.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

O tipo de item de linha do Google AdSense tem o mesmo nível de prioridade do item de linha do Ad Exchange. Isso significa que se ambos existirem com inventário segmentado sobreposto, o GAM selecionará um aleatoriamente, independentemente do valor do lance.

Ad Exchange (Alocação Dinâmica)

Se você tiver uma conta “principal” ou “mapeada”, há duas maneiras de executar o Ad Exchange (AdX) na alocação dinâmica: grupo de rendimento (Yield group) ou item de linha. Se estiver usando uma conta “vinculada”, você terá apenas uma opção: item de linha.

Confira a PubGuru University para uma discussão mais aprofundada sobre contas ‘mapeadas’ e ‘vinculadas’.

Vamos detalhar a diferença entre grupo de rendimento e item de linha.

# 1 – Grupo de Rendimento/Yield group

Yield group

– Disponível apenas em uma conta primária

– Fácil de configurar

– Pode especificar a segmentação, mas sem controle sobre limites de frequência, programação, rotação de criativos e entrega

– Só é possível usar a conta AdX padrão ou mapeada

# 2 – Item de linha

– Leva um pouco de tempo e mais etapas para configurar. O AdX deve ser vinculado primeiro ao GAM, em seguida, crie um item de linha e selecione Ad Exchange como o tipo de item de linha.

line item type adx

– Pode controlar a veiculação de anúncios com configurações de itens de linha, como rotação de criativos, dias e horários, limites de frequência.

– Pode usar várias contas do AdX para diferentes partes do inventário.

– Auto-gerar criativos.

O Ad Exchange em execução na alocação dinâmica significa que ele compete em tempo real com seus outros itens de linha remanescentes e só é veiculado se puder pagar o lance mais alto.

O Google agora fez a transição para o leilão de primeiro preço, o que significa que você obtém o valor real do lance de um comprador do AdX, em vez de apenas US $0,01 a mais do que o lance mais alto da concorrência (leilão de segundo preço).

Quando usar?

Se o seu site for aprovado para executar o Google Ad Exchange, é altamente recomendável executá-lo na alocação dinâmica em todo o seu inventário. Por quê? Como o Ad Exchange tem o maior grupo de anunciantes em todo o mundo, você também tem o privilégio de vender seu inventário e nomear seu preço no mercado privado. Você pode negociar com diferentes compradores sem realmente falar com eles.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Não execute o AdSense na alocação dinâmica junto com o AdX porque eles terão a mesma prioridade, independentemente do lance de CPM.

Se quiser fazer um teste A/B e ver qual tem melhor desempenho, defina os dois como um item de linha de Sponsorship, segmentando o mesmo inventário, ambos com meta de impressão de 100%. Aguarde pelo menos uma ou duas semanas e, quando o teste terminar, retenha apenas o vencedor e defina a prioridade de Alocação dinâmica novamente.

Temos mais detalhes sobre como configurar testes A/B na PubGuru University.

É importante executar o AdX em todo o seu inventário para ele poder competir e para você obter o melhor lance para cada impressão.

Network (Não Garantido)

Semelhante ao Sponsorship, o item de linha de Rede/Network é veiculado com base em uma porcentagem de impressões, mas não é garantido. A rede monetiza o estoque remanescente e só será veiculado se não houver nenhum item de linha de Sponsorship ou Standard.

line-item-type-network

Quando usar?

Se você fechou um negócio com um comprador e deseja dar-lhe prioridade sem a promessa ou garantia de entrega de uma determinada porcentagem de impressões, esta pode ser uma opção.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Como a rede é baseada em porcentagem, ela será veiculada antes de Bulk, Ad Exchange ou AdSense, Prioridade de preço e Interno. Use apenas quando o preço estiver certo – o que significa que a oferta de CPM fornece um bom motivo para colocá-los em uma prioridade mais alta do que os outros itens de linha remanescentes.

Execute seu relatório e observe o CPM médio de outros itens de linha remanescentes. Se você não está 100% convencido com a oferta, considere veicular o item de Prioridade de preço no lugar dele.

Bulk (Não Garantido)

Como o Standard, o item de linha Bulk é veiculado com base na quantidade ou no volume de impressão específico, mas não é garantido. Definir uma meta de quantidade é como definir um limite de impressão para garantir que a entrega não vá além disso.

bulk

Dependendo dos critérios de segmentação, Bulk só será veiculado se não houver nenhum item de linha de Sponsorship, Standar ou Network.

Quando usar?

Este item de linha é útil se você deseja definir um número máximo de impressões para um comprador que não está realmente preocupado com garantias.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Bulk é um tipo de item de linha remanescente com base-absoluta. Ele será veiculado antes do Ad Exchange ou AdSense, Prioridade de preço ou Interno. Não execute este tipo de item de linha, a menos que a transação pague mais do que você já está recebendo de outros itens de linha remanescentes.

Se possível, use o item de linha de prioridade de preço e defina um limite de impressão diário ou vitalício. Dessa forma, você pode definir a taxa de CPM para o valor oferecido e fazê-lo competir com o AdX ou AdSense, aumentando o desempenho geral.

Prioridade De Preço (Não Garantido)

A taxa de CPM na configuração do item de linha determina a prioridade no leilão. Quanto maior for a taxa, maior será a ordem de prioridade. Usar isso garante que o item de linha de maior pagamento seja veiculado em cada solicitação de anúncio.

Ele também concorre com a Alocação dinâmica do AdX ou do AdSense, por isso, tecnicamente, define um valor mínimo que o AdX ou o AdSense precisa dar para vencer. Isso acirrou a concorrência, tornando a prioridade de preço nosso tipo de item de linha favorito ao lado do Ad Exchange.

Price Priority

A prioridade de preço também permite definir limites de impressão – ilimitados, diários ou vitalícios.

Price priority daily

Taxa vs. CPM de referência

“Taxa” é o custo negociado com o comprador, CPM ou CPD, dependendo do tipo de item de linha. “CPM de referência” é opcional, mas tem duas finalidades:

  1. Calcula a receita com base nas impressões veiculadas
  2. Usado para competição ou prioridade no leilão

Sem o “CPM de referência” especificado, o Google Ad Manager usará a “Taxa” para atender às finalidades mencionadas acima.

Quando usar?

Se você fez parceria com um novo comprador e precisa descartar discrepâncias durante os primeiros dias ou semanas, configure-o em Prioridade de Preço com um limite de impressão diário, inicialmente.

Esse tipo de item de linha também é melhor usado com TODOS os seus parceiros de demanda competindo com o AdX ou o AdSense, de modo que as taxas de CPM impulsionam a pressão do leilão. Observe que mesmo o Header Bidding do Prebid é configurado como prioridade de preço no Google Ad Manager!

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Otimize diariamente com base no “CPM verdadeiro”. Isso é calculado por:

real CPM

“Receita total” refere-se à receita líquida real da rede de anúncios e NÃO com base no relatório de receita do Google Ad Manager. Isso requer que você verifique o painel da rede de anúncios para ver os ganhos reais.

Essa estratégia garante que o item de linha com melhor pagamento vença em cada solicitação de anúncio e que a competição seja justa em todos os setores.

House (Não Garantido)

Interno é o item de linha de classificação mais baixa e só é veiculado quando nenhum outro item de linha de prioridade mais alta pode ser veiculado. É tratado como se ele tivesse uma taxa de $ 0 e não competisse em preço por meio da alocação dinâmica. Ele serve como um item de linha substituto para evitar ou minimizar impressões não preenchidas.

house line item type

Quando usar?

Você pode usá-lo para promover os produtos que vende, outro conteúdo do site para aumentar as visualizações de página ou exibir uma imagem para evitar estranhos espaços em branco quando não houver anúncio para veicular. Em vez de ficar vazio, você está, pelo menos, fazendo um bom uso.

Dica do profissional de otimização de anúncios!

Não use as tags do Google, pois serão consideradas ‘inválidas’. O Google proíbe o uso de sua tag como ‘House’ e pode causar problemas. Em vez disso, você pode fazer upload de um criativo de imagem e inserir a URL de destino para outra seção ou conteúdo do seu site, ou do produto que você vende.

Se você trabalha com a MonetizeMore, pode executar uma nova renderização do AdSense. Esta é nossa tecnologia própria que minimiza suas impressões não preenchidas usando o AdSense como um substituto em sua pilha de anúncios.

Seu item de linha interno deve segmentar todo o seu inventário, para que você maximize todas as solicitações de anúncio que chegarem.

A MonetizeMore é um Parceiro Editor Certificado do Google e ajudou centenas de editores a otimizar seu inventário de anúncios. Você está pronto para levar sua receita de anúncios para o próximo nível? Inscreva-se na MonetizeMore hoje!

Kean Graham

Fundador da MonetizeMore

Kean é especialista em otimização de anúncios cobrindo áreas como otimização e configuração do AdSense, gerenciamento do GAM e parceria com redes de anúncios de terceiros. Kean acredita na supremacia de negócios diretos com os editores e otimização holística como principais formas de efetivamente e consistentemente aumentar receitas com anúncios.

RECEBA DICAS ATUALIZADAS DE OTIMIZAÇÃO DE ANÚNCIOS DIRETAMENTE NA SUA CAIXA DE ENTRADA

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *