Qual a diferença entre alocação dinâmica e alocação dinâmica melhorada?

Qual a diferença entre alocação dinâmica e alocação dinâmica melhorada?

Alocação dinâmica é uma integração perfeita das redes de exibição do Google: AdX, AdSense, e AdMob dentro do DoubleClick for Publishers (DFP), para que editores aumentem seu rendimento de todos os seus inventários.

Alocação dinâmica provê aos editores uma competição em tempo real pelas suas impressões entre Ad Exchange e todos os outros parceiros de demanda configurados de forma conectada dentro de seus DFPs. Tal competição não só ajuda no retorno sobre o investimento do editor, mas também significa que editores estão sempre trabalhando para aumentar os seus preços dentro do Ad Exchange e subir o valor do inventário.

Leitura relacionada: Alocação dinâmica em DFP: Um guia passo a passo

Alocação dinâmica melhorada, por outro lado, permite que alocação dinâmica seja aberta para inventário de nível padrão e de venda direta baseado em CPM (Custo por Mil Impressões). Em outras palavras, campanhas garantidas dos editores estarão competindo também com Ad Exchange em alocação dinâmica, impulsionando os valores das campanhas diretas dos editores ainda mais alto.

Alocação dinâmica compete somente contra itens de linha não garantidos. Isso significa que itens de linha patrocinados e itens de linha padrão não são afetados. Alocação dinâmica melhorada, por outro lado, permite que o Ad Exchange consiga competir contra itens prioritários padrão que tenham uma meta de impressões fixa, exceto caso tal item de linha esteja sofrendo para alcançar sua meta de impressões.

Editores podem utilizar essa estratégia com segurança total e de uma forma automática sem ter que fazer grandes mudanças ou se preocupar que campanhas garantidas não vão entregar. Editores não precisam configurar valores de CPM para o inventário padrão se eles não fazem isso atualmente, dado que o DFP será o responsável por calcular o valor do CPM baseado no valor do inventário.

Quer as melhores dicas para aumentar sua receita e saber de tudo o que acontece no mundo da otimização de anúncios, Header Bidding e Ad Tech? Assine a nossa Newsletter e não perca nenhuma dica ou tendência da indústria.

Como que cada mecanismo funciona?

ALOCAÇÃO DINÂMICA

Alocação dinâmica envolve tais elementos:

  • Tipo de prioridade de preço do item de linha – Especificamente, alocação dinâmica ocorre em níveis de prioridade 12 até 16 no DFP.
  • AdSense integrado ao DFP
  • Ad Exchange integrado ao DFP
  • Essencialmente, AdX para DFP = Permitindo alocação dinâmica.

Aqui estão os passos:

1) Conecte o AdSense ou Ad Exchange ao DFP através da aba de Administrador.

Desça até a parte de baixo nas configurações da sua conta de administrador no DFP e conecte sua conta no AdSense e Ad Exchange através da parte de serviços de terceiros.

2) Complete o vínculo na parte de configurações na sua conta do Ad Exchange em acesso de terceiros.

3) Implemente sua estratégia de anúncios. Crie suas campanhas, ordens, e itens de linha.

4) Configure a prioridade de preços dos itens de linha

Comece trabalhando nos itens de linha com prioridade de preço que estão inclusos na sua estratégia. Aqui  é onde você insere o tamanho dos anúncios, impressões, e mira (targeting) (ex: Somente Usuários do sexo feminino nos EUA, etc.)

5) Leilão em tempo real começa

Deixe o Google fazer o resto da mágica através dos seus leilões em tempo real. O inventário do item de linha que você criou no passo 3 vai competir automaticamente com as contas do AdSense e/ou Ad Exchange conectadas ao seu DFP.

6) Avalie e otimize regularmente

Ajuste seus parâmetros ao longo do tempo baseados nas suas métricas. De acordo com prática dinâmica, estude relatórios do desempenho do seu inventário e faça mudança quando você perceber que faz sentido.

Se você está se perguntando como usar alocação dinâmica para AdSense, você pode ouvir direto de um representante do Google aqui and aqui.

ALOCAÇÃO DINÂMICA MELHORADA

Com alocação dinâmica melhorada, DFP considera itens de linha padrão e itens de linha remanescentes que podem servir para a impressão. Ele então seleciona o melhor de acordo com os seguintes critérios:

1) DFP cria um “CPM temporário”

Ou preço reserva, para itens de linha padrões elegíveis baseado na prioridade do item de linha, progresso, e dados históricos de oferta para otimizar as receitas do editor. O quanto mais baixo o índice de satisfação de um item de linha (SI – Satisfaction Index) (isto é, o quanto mais atrasado está), maior o CPM temporário que é passado para o Ad Exchange. Logo, um item de linha padrão que está atrás da programação vai vencer frequentemente o bastante para ficar no ritmo a satisfazer suas configurações de meta e velocidade.

2) Para itens de linha remanescentes elegíveis, DFP escolhe aquele com maior CPM.

3) DFP envia o maior dos CPMs temporários para o Ad Exchange.

4) Se um anúncio do Ad Exchange conseguir bater o CPM ou CPM temporário, então aquele anúncio do Ad Exchange vai servir; se não, o item de linha do DFP ou item de linha remanescente serve.

Perceba que qualquer anúncio do Ad Exchange selecionado para servir vai estar de acordo com as condições dos negócios preferidos ou leilões privados, se aplicável.

Como que cada um beneficia os editores?

Ambos os mecanismos permitem com que os editores consigam um retorno maior por causa da

pressão que colocam no Ad Exchange para aumentar o desempenho do CPM quando está competindo com outra rede.

Em alocação dinâmica, o potencial de receita é aumentado quando Ad Exchange está batalhando para conseguir maior CPM para competir com outros parceiros de demanda conectados a conta do DFP. A alocação dinâmica melhorada também aumenta o potencial máximo de receitas dado que redes diferentes e parceiros de demanda diferentes competem com Ad Exchange pelo inventário dos editores. Quanto maior o número de redes competindo pelos inventários, mais apertada a competição fica, levando a maiores valores de CPM e acréscimo nas receitas.

Para mais estratégias de otimização de anúncios, entre em contato conosco hoje. Você também pode se inscrever de graça no Ad Exchange para dar início a tal estratégia.

Kean Graham

Fundador da MonetizeMore

Kean é especialista em otimização de anúncios cobrindo áreas como otimização e configuração do AdSense, gerenciamento do GAM e parceria com redes de anúncios de terceiros. Kean acredita na supremacia de negócios diretos com os editores e otimização holística como principais formas de efetivamente e consistentemente aumentar receitas com anúncios.

RECEBA DICAS ATUALIZADAS DE OTIMIZAÇÃO DE ANÚNCIOS DIRETAMENTE NA SUA CAIXA DE ENTRADA

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *